domingo, 30 de novembro de 2014

Adutora do Rio São Francisco: XIQUE-XIQUE (ba)


                             Adutora do Rio São Francisco: XIQUE-XIQUE (BA). 


 Cidade de Xique-Xique (BA), local da captação da água.
 
 Xique-Xique (BA), cidade na margem do Rio São Francisco, fornecedora da água.
 
Centro Histórico da cidade de Xique-Xique (BA).


A Adutora vara a seca caatinga, paralela à rodovia BA.52 (Xique-Xique  a Salvador).. 



Captação da água em Xique-Xique (BA).
     Com investimento de R$ 182 milhões de reais, foi inaugurada em maio de 2013, "Adutora do Rio São Francisco" que, partindo da cidade de  Xique-Xique (BA), onde capta água do Rio São Francisco, é uma das maiores do Estado e vai abastecer mais de 330 mil pessoas em dezesseis municípios situados na região da caatinga baiana, entorno do Município de Irecê (BA).
      A partir da captação da água em Xique-Xique (BA), primeira etapa, foram implantadas cinco estações elevatórias e, em Itaguaçu da Bahia (BA), uma Estação de Tratamento de Água (ETA).
       A Adutora do Rio São Francisco foi realizada em três etapas: a primeira de Xique-Xique (BA) até Itaguaçu da Bahia (BA); a segunda fase compreende o trecho  entre Itaguaçu da Bahia (BA)  e a cidade de Central (BA), a 75 km de Xique-Xique (BA). A terceira etapa da obra  vai da cidade de Central (BA) até a cidade de Irecê (BA).
      Da captação em Xique-Xique (BA)  a água destinada à população da região beneficiada percorre 122 quilômetros e foi a alternativa encontrada para o atendimento das  16 cidades situadas na  caatinga baiana que, atualmente, continua sofrendo com a falta de chuvas.



Adutora rasga a caatinga rumo às 16 cidades sem água

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Arte Sacra na Bahia: Basílica de N. S. da Conceição da Praia.


Na ante-sacristia da Basílica encontram-se assentados azulejos do tipo grinalda com os elementos característicos desse estilo (sanefas, laços e ramagens), integrando-se a cartelas oitavadas onde estão pintadas cenas bíblicas e alegóricas. As pinturas internas das cartelas são executadas com a fluidez semelhante à da pintura tradicional sobre seda, o que faz com que os estudiosos vissem nesses azulejos influências orientais classificadas como chinoiseries. Silhar no estilo neoclássico datado do final do século XVIII.
Fonte: "Bahia: Tesouros da fé"
Foto: Sérgio Benutti. 

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Simbolos da cidade de Xique-Xique (BA): HINO, BRASÃO E BANDEIRA


                 SÍMBOLOS DE XIQUE-XIQUE (BA): HINO, BRASÃO E BANDEIRA.
    A nossa Xique-Xique (BA), como as demais cidades do mundo, possui, também, os seus símbolos representados pelo BRASÃO, pela BANDEIRA e, principalmente, pelo  seu HINO, criados pelo ilustre Professor ANTÔNIO RAMOS FEIRENSE.
    Para que esses símbolos se tornem conhecidos e portanto amados - "não se ama o que não se conhece" - este  Blog está fazendo a divulgação deles, pois acredito que grande parte dos conterrâneos  os conhece  superficialmente e talvez nunca tenham ouvido a música e lido a letra do nosso belo Hino.
Por falar nisso, sempre que alguém abrir o Blog de Juarez Morais Chaves (www.xiquexiquense.blogspot.com),   ouvirá, como fundo musical, o hino da nossa cidade.

BRASÃO  E  BANDEIRA DE XIQUE-XIQUE (BA).

INSÍGNIA:
     Coroa mural prateada com quatro torres, representativas  do domínio e do Município.
ESCUDO:
FIGURAS - O Sol em posição de nascer ou se pôr, simboliza o cidadão xiquexiquense que, do nascer ao morrer, deve irradiar a luz e a energia do seu valor pessoal, visando o seu bem e o bem da comunidade.
                    - O PX, símbolo grego que significa Jesus Cristo, simboliza uma homenagem especial ao mesmo Jesus /cristo, que sob a invocação do Senhor do Bonfim, é o Padroeiro do Município. Na curva da letra  "P" e na forma de setas encontradas  em sua haste, o símbolo sugere, também uma homenagem às tribos indígenas que habitavam a região. O "X" do símbolo com o "X" formado  pelos dois peixes, representam as iniciais do topônimo Xique-Xique.
                    - Os Peixes, em posição de emergência do Rio São Francisco simbolizam a pesca, uma das principais atividades do Município e de expressiva significação  sócio econômica e alimentar da região.
 
CORES:
     - As cores verdes, amarelo, azul e branco, acrescentadas do vermelho, sugerem uma homenagem especial ao Brasil e à Bahia.
          Em termos municipais simbolizam:
          O Verde - Todas as atividades nos campos, e o xique-xique, cacto do qual veio o topônimo do Município.
          O Amarelo - O ouro e demais minérios do solo xiquexiquense e a luz da fé e da intelectualidade do seu povo.
          O Azul - O Rio São Francisco com toda a sua expressiva importância na história e desenvolvimento do Município
          O Branco - A pureza de costumes que gera e garante a paz, e as virtudes teologais (Fé, Esperança e Amor), também indispensáveis no uso dos poderes Legislativo, Executivo e Judiciário.
          O Vermelho - O amor e o sacrifício do povo xiquexiquense pelo progresso e bem-estar do seu Município.
LISTEL
       No Listel, em ouro sobre azul, o topônimo do Município e a data de sua Emancipação Política e Administrativa (06 de julho de 1832).

HINO AO MUNICÍPIO DE XIQUE-XIQUE 

                Letra e Música de Ramos Feirense
De uma Ilha a mirar o teu ouro
Que das serras douravam horizontes,
Tua História, qual outro tesouro,
Resplandece entre vales e montes.
A bravura do índio aguerrido,
E do branco a audácia sem par,
Com a ternura do negro sofrido
São as bases do teu triunfar.

 Coro - Pelos campos, garimpos e rios,
Nos distritos e nos povoados
Os teus filhos cultivam teus brios
Por seus feitos, no amor, sublimados.
Glória a ti entre cactos e flores
Sempre amando e servindo ao Brasil!
Glória ti que a Deus canta louvores!
Glória a ti Xique-Xique gentil !

Em poética expressão só de amor
A beijar o teu Rio São Francisco,
Por ti o Sol do nascer ao se pôr,
Agradece-lhe o peixe e o marisco...
No Evangelho de Cristo inspirado,
Só bondade teu povo pratique
Pra que tenhas viver pontilhado
De mil glórias, feliz Xique-Xique!
   OBS.: Esses Símbolos de Xique-Xique (BA) foram elaborados na administração do Prefeito Municipal Sr. Carlos de Souza Santos, gestor do Município no período de 1983/1989.
 
   Seria bom que  as nossas Escolas Fundamentais, mantidas pelo Município de Xique-Xique, fizessem a divulgação, em sala de aula, desses símbolos e, nas comemorações ali realizadas bem como na festa da cidade, o nosso  hino fosse tocado e cantado pelas emissoras de rádio e outras mídias.

TEMOS QUE VALORIZAR O PRESTIGIAR 
O QUE É NOSSO

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Adutora do Rio São Francisco: CIDADE DE XIQUE-XIQUE (BA)


                         Adutora do Rio São Francisco: XIQUE-XIQUE (BA).
 


 Cidade de Xique-Xique (BA), local da captação da água.
 
 Xique-Xique (BA), cidade na margem do Rio São Francisco, fornecedora da água.
 
Centro Histórico da cidade de Xique-Xique (BA).


A Adutora vara a seca caatinga, paralela à rodovia BA.52 (Xique-Xique  a Salvador).. 



Captação da água em Xique-Xique (BA).
     Com investimento de R$ 182 milhões de reais, foi inaugurada em maio de 2013, "Adutora do Rio São Francisco" que, partindo da cidade de  Xique-Xique (BA), onde capta água do Rio São Francisco, é uma das maiores do Estado e vai abastecer mais de 330 mil pessoas em dezesseis municípios situados na região da caatinga baiana, entorno do Município de Irecê (BA).
      A partir da captação da água em Xique-Xique (BA), primeira etapa, foram implantadas cinco estações elevatórias e, em Itaguaçu da Bahia (BA), uma Estação de Tratamento de Água (ETA).
       A Adutora do Rio São Francisco foi realizada em três etapas: a primeira de Xique-Xique (BA) até Itaguaçu da Bahia (BA); a segunda fase compreende o trecho  entre Itaguaçu da Bahia (BA)  e a cidade de Central (BA), a 75 km de Xique-Xique (BA). A terceira etapa da obra  vai da cidade de Central (BA) até a cidade de Irecê (BA).
      Da captação em Xique-Xique (BA)  a água destinada à população da região beneficiada percorre 122 quilômetros e foi a alternativa encontrada para o atendimento das  16 cidades situadas na  caatinga baiana que, atualmente, continua sofrendo com a falta de chuvas.



Adutora rasga a caatinga rumo às 16 cidades sem água

sexta-feira, 7 de novembro de 2014